Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Aqui me falta luz

* Aqui me falta luz
nas sombras que o mundo perdeu
estranhos são os dias 
em que chovem 
palavras trémulas,vibrantes
pelas memórias que gelam até aos ossos
peremptória arte irónica
que corroí o ar dos pulmões
soa a revoluções esquecidas
soa a indolência, na chuva que abranda
símbolos imaginários, desfeitos
ainda é possível ver o mundo novo
ainda é possível voltar a sentir
a magia da perdição, refugio na escuridão
não me perder nas vozes imaginárias  
todos os dias, o mesmo dia... 







i'll save my life 

and my last dance for you














Sem comentários:

Enviar um comentário